Braskem mostra estudo sobre a ráfia em Congresso da Abitrigo

A Braskem e a Associação Brasileira dos Produtores de Fibras Poliolefínicas – Afipol, estarão juntas no XX Congresso Internacional do Trigo, que será realizado entre os dias 20 a 22 de outubro, na Ilha de Comandatuba, na Bahia. Durante um dos principais eventos da cadeia do trigo, a empresa e a entidade vão apresentar os diferenciais dos sacos de ráfia para o armazenamento de grãos.

Na programação, que deve reunir cerca de 500 participantes de vários países, entre produtores de trigo, dirigentes de moinhos, da panificação, das indústrias dos derivados, representantes do governo e de entidades ligadas ao agronegócio, a Braskem e Afipol terão um estande onde será apresentado o estudo da Avaliação de Ciclo de Vida da embalagem de ráfia.

Mais resistente e inviolável, a ráfia garante uma proteção eficaz contra umidade, sujeira e ação de roedores, características importantes para armazenamento de alimentos. Outro aspecto positivo é a economia que é proporcionada pelo material, tanto com a redução de perdas durante o transporte, como com a possibilidade de reutilização e reciclagem, que fazem a ráfia ainda mais sustentável, pois tem menor impacto ambiental.

A presença da Braskem no Congresso reforça os objetivos do Programa de Incentivo à Cadeia (PIC) do Plástico, lançado este ano. Através dele, pequenas e médias empresas recebem apoio em eventos, em ações de capacitação, formação de mão de obra, assessoria especializada, entre outras iniciativas.

“Queremos que a indústria química brasileira cresça de forma sustentável e esteja preparada para concorrer em iguais condições em todos os mercados, por isso investimos em um programa abrangente que combina vantagens comerciais, capacitação e inovação”, afirma Rafael Christo, diretor de Marketing, Estratégia e Análise de Negócios da Braskem.

Para a Afipol, a parceria com a companhia resulta em novas perspectivas de expansão dos negócios. “O apoio da Braskem é fundamental para alcançarmos nossos objetivos, pois nos auxilia não apenas nas questões mais práticas, como amparo técnico e operacional, mas também propicia visibilidade e alcance de novos mercados”, afirma Ricardo Vivolo, presidente da Associação.

A Braskem é a maior produtora de resinas termoplásticas das Américas. Com 36 plantas industriais distribuídas pelo Brasil, Estados Unidos e Alemanha, a empresa produz anualmente mais de 16 milhões de toneladas de resinas termoplásticas e outros produtos petroquímicos. Maior produtora de biopolímeros do mundo, a Braskem tem capacidade para fabricar anualmente 200 mil toneladas de polietileno derivado de etanol de cana-de-açúcar.

Referência: Padaria 2000

Categorias